Fui enganado!

Fui enganado em uma determinada Igreja, o que eu faço?
Talvez você já passou por uma situação de humilhação e ficou frustrado por ter confiado em uma palavra recebida de um “profeta” do tipo: deus manda te dizer.... ou uma profecia “Eis que trago prosperidade.... E diante disto você tinha plena certeza de que iria acontecer, o tempo foi passando e sua esperança já não te dava tanta certeza assim, em seu pensamento já brotava um sentimento de mágoa em seu coração, e por mais que você queria crer em DEUS, e que ainda iria se cumprir aquilo que o “profeta” trouxe para sua vida, a esperança acabou morrendo.

A PALAVRA (Bíblia Sagrada) está repleta de advertências quanto aos falsos profetas, mas um dos principais versículos bíblicos em relação aos profetas e suas profecias você pode conferir em:

“Portanto, eis que eu sou contra os profetas, diz o SENHOR, que furtam as minhas palavras, cada um ao seu próximo. Eis que eu sou contra os profetas, diz o SENHOR, que usam de sua própria linguagem, e dizem: Ele disse. Eis que eu sou contra os que profetizam sonhos mentirosos, diz o SENHOR, e os contam, e fazem errar o meu povo com as suas mentiras e com as suas leviandades; pois eu não os enviei, nem lhes dei ordem; e não trouxeram proveito algum a este povo, diz o SENHOR.” Jeremias 23:30-3
“E disse-me o SENHOR: Os profetas profetizam falsamente no meu nome; nunca os enviei, nem lhes dei ordem, nem lhes falei; visão falsa, e adivinhação, e vaidade, e o engano do seu coração é o que eles vos profetizam.” Jeremias 14:14

Não fique constrangido em não acreditar ou até duvidar de falsas profecias, pois a Palavra do Senhor diz em I Coríntios 14:26-33
“Que fareis, pois, irmãos? Quando vos ajuntais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação. E, se alguém falar em língua desconhecida, faça-se isso por dois, ou quando muito três, e por sua vez, e haja intérprete. Mas, se não houver intérprete, esteja calado na igreja, e fale consigo mesmo, e com Deus.
E falem dois ou três profetas, e os outros julguem.
Mas, se a outro, que estiver assentado, for revelada alguma coisa, cale-se o primeiro. Porque todos podereis profetizar, uns depois dos outros; para que todos aprendam, e todos sejam consolados. E os espíritos dos profetas estão sujeitos aos profetas. Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos.”

Então quando você receber uma PALAVRA profética ou uma profecia, você tem todo o direito de confirmar se realmente é de DEUS ou não, pode ser através da Bíblia Sagrada (Ore ao Senhor e peça que ele confirme através das Escrituras o que você ouviu) ou buscar confirmação em outra igreja onde ninguém te conhece. Lembre-se da última frase dos versículos acima, ...Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos.
Nosso DEUS, tem prazer em abençoar a vida da humanidade, e ele jamais quer que você seja enganado, ele próprio diz em Deuteronômio: “Vês aqui, hoje te tenho proposto a vida e o bem, e a morte e o mal; Porquanto te ordeno hoje que ames ao SENHOR teu Deus, que andes nos seus caminhos, e que guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, para que vivas, e te multipliques, e o SENHOR teu Deus te abençoe na terra a qual entras a possuir.”

Portanto, não impute a DEUS o que o homem fez com você, com toda humildade, procure uma Igreja evangélica comprometida nas ministrações da essência das Escrituras Sagradas (Bíblia Sagrada) quando observar uma certa pressão (indução) nas ministrações de Dízimos e Ofertas, fique esperto, nosso DEUS não necessita do seu dinheiro, tudo o que você tem, vem das mãos dele (de DEUS, o Todo Poderoso, o Onipotente, o Onipresente e Onisciente, seja um Dizimista (pois é ordenança de DEUS) em questão de obediência, é também uma forma de ter um coração grato ao SENHOR, por você ter: saúde, trabalho, família, amigos, irmãos e todas as outras coisas que o SENHOR tem te dado, seja também responsável na fiscalização quando da utilização das receitas que são arrecadadas em sua congregação, você tem todo o direito e o dever (caso aconteça) de reclamar e até solicitar explicações no mau uso destas receitas.

Quando ofertar, faça com alegria no coração “Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” 2 Coríntios 9:7 (nunca por indução, ou porque o irmão do teu lado está ofertando) nosso DEUS só agirá em sua vida, quando você exercer a sua FÉ, se você agir sempre no impulso ou por determinação do seu Lider, Pastor, Ministro ou seja quer for que estiver ministrando, você terá grande chance de se frustrar.

Um detalhe muito importante também na hora da oferta, veja o que diz os versículos: “Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta.” Mateus 5:23-24

Agora, tudo o que o SENHOR te prometeu, ele com certeza irá cumprir passe o tempo que passar, pois o SENHOR não utiliza calendário humano, “Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa; porventura diria ele, e não o faria? Ou falaria, e não o confirmaria?” Números 23:19 como diz neste versículo: “Mas, amados, não ignoreis uma coisa, que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia.“ 2 Pedro 3:8

“Que a PAZ do nosso SENHOR JESUS CRISTO, esteja em seu coração”
Postar um comentário